Quarta-feira, 26 de Julho de 2017





       A filosofia da República Tigrada se formou aos poucos, sempre tendo por base fortes princípios como a luta, a coragem, a superação, a união, a alegria e o ideal republicano. Difíceis de descrever, mas tão visíveis nos traços e nas feições de nossos Tigres e amigos. Todo começo é difícil, o nosso não foi diferente, porém isso não nos abalou e lutamos buscando sempre uma melhor condição de vida, que nos proporciona-se viver integralmente a universidade, suas possibilidades e pessoas.
       Dificuldades das mais básicas sempre existiram, a falta de água e de luz, porém tais dificuldades não foram obstáculo para a união e para o ideal do grupo. Ao longo do tempo a casa mudou, mas a idéia inicial, aquela chama, continua a mesma. E é isso que buscamos encontrar e despertar em cada Tigre. Nunca foi o lugar, mas as pessoas que compunham a Tigrada. Uma necessidade de encontro, de união. Por vezes, vivemos na omissão do poder público, mas não fizemos desta situação a nossa condição de vida. Mais do que a vida em república, vivemos a alegria de não estarmos sós.
       Na República Tigrada o tempo por mais forte que pareça não conseguiu desvincular os laços de união. Vivenciamos sempre o encontro do novo com o velho, passado e presente, ex-alunos e moradores, tudo em um clima de festa e confraternização. Essa é nossa filosofia e nossa casa.